Exposição da JMJ mostra devoção Mariana do artista espanhol Antonio Gaudí

Do “like”ao “amém”: mensagem do Papa para o 53º Dia das Comunicações Sociais
janeiro 25, 2019
Panamá: primeira catedral da América cujo altar foi consagrado por um Pontífice
janeiro 26, 2019

Exposição da JMJ mostra devoção Mariana do artista espanhol Antonio Gaudí

A exibição "Gaudí, filho de Maria", localizada no Auditório do Biomuseo de Amador e inaugurada na última segunda, 21, ficará aberta ao público até 7 de fevereiro, sempre com entrada gratuita, sendo assim uma das atividades culturais existentes relacionadas à Jornada Mundial da Juventude (JMJ) que possui uma tônica Mariana nesta edição de 2019.

"Em Gaudí, filho de Maria, o artista nos ensina que não existe sonho impossível e é o que queremos, inspirar os jovens da JMJ a que saibam como fazer realidade seus sonhos", afirma Dom José Domingo Ulloa, Arcebispo da Cidade do Panamá.

A mostra retrata durante seis capítulos a grande devoção do artista pela Virgem Maria, a qual aparece em cada uma de suas obras arquitetônicas, especialmente em sua obra magna “O templo expiatório da Sagrada Família".

Os seis capítulos mostram a vida do famoso arquiteto espanhol Antoni Gaudí e sua veneração a Maria através de fotografias, vídeos, cartas, ambientações e maquetes originais de várias de suas obras.