Não pode ir à JMJ? A JMJ vai até você!

13 razões porque a JMJ é mais aguardada do que a final da Copa do Mundo
janeiro 14, 2019
Delegação Francesa é recebida pelo Arcebispo do Panamá
janeiro 16, 2019

Não pode ir à JMJ? A JMJ vai até você!

Vários eventos paralelos à JMJ são organizados em todo mundo para aqueles que não poderão ir até o Panamá. Não há necessidade de perder a diversão - verifique se a sua diocese tem algo em mente!


Milhares de jovens não poderão viajar ao Panamá e viver o espírito da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) de 22 a 27 de janeiro de 2019, seja por causa da crise, do custo dos voos ou outros motivos mais duros e cruciais... Mas nem por isso eles deixarão de experimentar, junto com outros jovens, a atmosfera de oração, celebração e convivência que foi preparada pela Igreja. A JMJ paralela é a resposta para isso. Vários grupos e dioceses em todo o mundo organizam eventos para levar a Jornada Mundial da Juventude àqueles que não podem participar presencialmente no Panamá.

Uma experiência para a juventude argentina


Em Buenos Aires, na Argentina, o grupo católico Renova+ está planejando um retiro em forma de acampamento que reunirá 120 jovens com mais de 18 anos de sua própria diocese e de outras dez dioceses convidadas. “Sempre tivemos esse sonho: compartilhar a Jornada Mundial da Juventude com aqueles que não tinham recursos para estar presentes. Agora temos que ser a JMJ Panamá 2019, na Argentina ”, disse Diego Solano, coordenador geral da Renova+ e organizador do acampamento.

Haverá workshops baseados nas mensagens que o Papa Francisco compartilhará durante a semana, e será realizada uma vigília no sábado no mesmo horário da vigília no Panamá. A missa de domingo também será realizada ao mesmo tempo (ajustando de acordo com o fuso horário do Panamá). Também haverá música ao vivo durante a Adoração. “Queremos fazer um workshop chamado 'A revolução do serviço', que é o que o Papa Francisco ensinou na vídeo-mensagem para a JMJ Panamá 2019”, disse Solano.

O Comitê Organizador Local da JMJ enviou a eles os conteúdos das catequeses e outras informações. O Renova+ está até planejando entregar aos jovens alguns produtos da Jornada Mundial da Juventude. “Pedimos permissão ao Panamá e eles nos deram. Acreditamos que isso pode ser feito em qualquer lugar do mundo onde há dois ou três que já estiveram em uma Jornada Mundial da Juventude ou que tenham experiência em liderar a juventude ”, disse Solano. “Isso seria suficiente para revitalizar o coração de centenas, milhares de jovens, homens e mulheres”.

Solano também mencionou que eles esperam ajudar esses jovens a se tornarem líderes em suas comunidades. "Queremos plantar neles as mensagens profundas que o Papa Francisco compartilhará na Jornada Mundial da Juventude para que eles se tornem líderes em suas dioceses".

Nos Estados Unidos


Haverá também vários eventos paralelos à JMJ nos Estados Unidos. As celebrações estaduais planejadas até agora serão organizadas nas Arquidioceses de Washington DC, Seattle, Galveston-Houston e na Diocese de Fort Wayne-South Bend.

Alguns desses eventos acontecerão nas mesmas datas que a JMJ 2019 e incluirão atividades variadas como adoração, pregação e música ao vivo. A Arquidiocese de Galveston-Houston organizará o evento em inglês e espanhol.

Qualquer pessoa nos Estados Unidos que esteja interessada em sediar um evento da JMJ em sua área pode encontrar ajuda e diretrizes no site do USCCB.

Panamá in Douro

Os jovens portugueses que não puderem ir ao Panamá também poderão celebrar “em casa”. Seguindo o que já fora feito em 2013, durante a JMJ do Rio de Janeiro, o evento “Panamá in Douro” está sendo organizado na cidade de Porto e reunirá jovens de 15 a 35 anos nos dias 26 e 27 de janeiro. O programa contará com partilhas, palestras, momentos de oração e celebrações eucarísticas, tudo em torno do tema da JMJ deste ano “Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a Tua Palavra”. São esperados cerca de 2000 jovens e os interessados já podem se inscrever por meio de um formulário online.

Por que não uma JMJ em Aleppo, na Síria? - Cracóvia 2016


Durante a última Jornada Mundial da Juventude - Cracóvia 2016 - foram organizados eventos paralelos em Aleppo, na Síria. O maior deles teve 1.200 participantes, dos quais cerca de 100 pernoitaram no local. O evento, que teve como tema “Mova o seu Coração”, foi o resultado de um esforço em grupo liderado pelos salesianos locais, com a colaboração de outras 30 organizações católicas.

O evento aconteceu nas mesmas datas e com o mesmo foco na misericórdia de Deus, mas não tinha conexões oficiais com a Jornada Mundial da Juventude de Cracóvia. Esta mensagem de misericórdia e alegria foi especialmente significativa nos tempos difíceis que o povo de Aleppo enfrentava (e continua a enfrentar). Outros eventos paralelos foram organizados em Aleppo para diferentes faixas etárias, todos ligados à Jornada Mundial da Juventude de Cracóvia.

JMJ 2013 na Espanha

Na Espanha, houve vários eventos paralelos à Jornada Mundial da Juventude 2013 para aqueles que não puderam ir ao Rio de Janeiro. Essas reuniões ocorreram em mais de cinco cidades nas mesmas datas do encontro no Rio.

Um desses eventos, realizado em Aldea del Rocío, recebeu mais de 3.200 jovens. Esse encontro incluiu adoração, missa, catequese com os bispos, oração do Rosário, a vigília noturna do sábado e uma missa de “envio” no domingo de manhã, todos centrados no tema “Um lugar diferente, um mesmo coração [Otro lugar, un mismo corazón]”. Outro evento paralelo à JMJ Rio 2013 foi organizado em Santiago de Compostela, que exibiu vários momentos do que estava acontecendo no Brasil.

Um convite a todas as dioceses

Solano, coordenador da Renova+ e organizador do acampamento na Argentina, também disse: “Nós nos disponibilizamos para compartilhar tudo o que criamos, pensamos, escrevemos ou projetamos para as dioceses que querem fazer algo pela juventude. E mesmo que, de tudo o que compartilharmos, só uma ou duas coisas sejam feitas, ficaríamos muito felizes”.

Ele convida qualquer diocese ou grupo interessado em trazer a JMJ para a juventude local, não importando a língua nativa, para entrar em contato com a Renova+, para ajuda e materiais. Os grupos interessados também podem entrar em contato com o comitê organizador da JMJ do Panamá ou líderes locais.